28 de mai de 2008

incontida,
soletraria qualquer coisa
sobre tuas frases
roucas,
tua adivinhação,
tuas últimas fotos.

cálida,
te escreveria inteiro
pra te derivar:

eu,
tua voz,
as teclas.

teimosas.

caladas.

Nenhum comentário: